NÓS SOMOS “LIFE IN SYNTROPY”

MUITO PRAZER!

LIFE IN SYNTROPY é composto por um pequeno time internacional de:

  • jornalista cinegrafista,
  • ilustradora e designer,
  • web developer,
  • jornalista editora

todos dedicados à tarefa de juntar, organizar e disponibilizar conteúdo de qualidade sobre Agricultura Sintrópica para o mundo.

Fazem parte do LIFE IN SYNTROPY os dois fundadores do Agenda Gotsch, Dayana Andrade e Felipe Pasini – que têm seguido e registrado o trabalho de Ernst Gotsch há mais de 10 anos, transformando tudo em vídeos, artigos e textos descritivos.

Estamos localizados em uma fazenda no interior do Rio de Janeiro, onde também oferecemos workshops e treinamentos regularmente. Assim como você, nós também estamos na caminhada sintrópica.

Temos o privilégio de estar em constante diálogo com o Ernst e muitos dos seus alunos diretos mais antigos, com quem aprendemos tanto na teoria quanto na prática. E, por isso, nossas mãos costumam estar ora no computador, ora na terra, ora nas câmeras ou quadros de desenho, ora na tesoura de poda.

Conheça nosso time:

Felipe-Pasini

Felipe Pasini

Jornalista Cinematorgráfico, Mestre em Ciências Ambientais e Conservação
Dayana-Andrade

Dayana Andrade

JOURNALIST, VIDEO EDITOR
20170323_062813

Bruno Damas

Web Developer/Project Manager
Profilbild_xing

Ursula Arztmann

Engenheira Ambiental, Ilustradora

A História do “Life in Syntropy”

Você já assistiu ao nosso premiado documentário “Life in Syntropy”? O que você achou? O que você sentiu?

Muitos nos contam que esse filme mexeu com suas cabeças e com seus corações. Em seus depoimentos, relatam que encontraram na agricultura uma esperança, um sonho e um desejo de agir. Mas, na hora “H”, acabaram encontrando algumas limitações. As informações pareciam dispersa e, às vezes, até conflitantes.

Por isso em 2017 juntamos forças e montamos um time completamente focado em criar conteúdo sobre Agricultura Sintrópica para você!

Aqui, pela primeira vez, estamos mostrando algumas fotos dos bastidores do trabalho de Felipe e Dayana com a Agricultura Sintrópica!

  • PRIMEIRO O INTERESSE

    Felipe Pasini, um vídeo-jornalista envolvido com questões ambientais, começa a se interessar por sistemas agroflorestais e descobre em suas pesquisas que muitas das iniciativas agroecológicas no Brasil remetiam a alguma influência de Ernst Götsch

  • DEPOIS UM CURSO

    DEPOIS UM CURSO

    Ernst ministra um curso no interior do Rio de Janeiro e Felipe não perde a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente

  • A PRIMEIRA VIAGEM

    O curso instigou ainda mais o interesse de Felipe pelo assunto. Alguns meses mais tarde, ele viaja para a Bahia com Monica Soffiatti e Ilana Nina para ver de perto o trabalho de Gotsch em sua fazenda

  • OS PRIMEIROS REGISTROS

    OS PRIMEIROS REGISTROS

    Nessa mesma viagem conhecem também as áreas de produção de Henrique Sousa e de Jurandir. De modo informal, foi feito o registro audiovisual de todo essa experiência

  • “NESTE CHÃO TUDO DÁ”

    “NESTE CHÃO TUDO DÁ”

    O material audiovisual coletado naquela viagem rende o minidocumentário “Neste Chão Tudo Dá” que foi exibido pela TV Escola durante seis anos e tornou-se material didático recomendado pelo MEC à rede pública de ensino

  • INTIMIDADE COM A CÂMERA

    Felipe e Ernst se encontram muitas outras vezes em projetos da Natura Cosméticos, no norte do Brasil. Esses muitos encontros estreitaram os laços entre os dois e entre Ernst e as lentes da câmera

  • APROFUNDANDO NO TEMA

    Ernst e Felipe trabalham juntos também durante os TCTPs – cursos de capacitação de extensionistas rurais da América Latina. Dayana Andrade, jornalista responsável pela edição de todo o material gravado durante os cursos, começa a se aprofundar nos conceitos de Ernst (2009-2010)

  • NASCE A “AGENDA GOTSCH”

    NASCE A “AGENDA GOTSCH”

    De uma parceria entre Felipe, Dayana e o próprio Ernst, nasce o projeto “Agenda Götsch”, com o objetivo de registar os efeitos da aplicação daquela agricultura  na recuperação de uma área degradada

  • CONEXÃO RIO-BAHIA

    Entre 2011 e 2014, Felipe e Dayana viajam 12 vezes para a Bahia para coletar imagens e entrevistas, as quais resultaram na publicação de um site, 13 vídeos e um trabalho em congresso científico com a descrição da área implantada

  • FAZENDA DA TOCA

    Ernst firma parceria com a Fazenda da Toca, onde dedicaria parte dos próximos 2 anos ao desenvolvimento de modelos de agricultura sintrópica para grande escala. Felipe e Dayana foram convidados a registrar também essas experiências

  • O FILME

     

    Com apoio da Toca, Felipe e Dayana reuniram em vídeo um resumo de modelos de pequena, média e grande escala de agricultura sintrópica. Esse vídeo, batizado de Life in Syntropy, foi apresentado durante alguns eventos da COP 21

  • REPERCUSSÃO

    REPERCUSSÃO

    Nos meios digitais, o “Life in Sintropy” alcançou mais de 7 milhões de visualizações, foi traduzido para 7 idiomas, premiado em festivais internacionais, ganhou salas de aula de escolas, universidades e até apresentação na Capela Sistina no Vaticano, no projeto Fiat Lux.

  • “VELHO CHICO”, A NOVELA

    “VELHO CHICO”, A NOVELA

    Dayana e Felipe são procurados pelos autores da novela “Velho Chico”, exibida no horário nobre da TV Globo, para ajudar a compor o personagem Miguel (Gabriel Leone) e todo o “núcleo da sintropia”, como depois ficou conhecido.

  • SINTROPIA EM CENA

    SINTROPIA EM CENA

    Com o apoio de Ernst, Dayana e Felipe trabalharam em parceria direta com os roteiristas da novela Velho Chico para compor as 189 cenas que trataram da agricultura sintrópica e, junto com Henrique Souza, ajudaram a montar a cenografia do plantio na Caatinga.

  • GANHANDO O MUNDO

    GANHANDO O MUNDO

    Este foi um ano de grande projeção internacional para a agricultura sintrópica: Espanha, Havaí, Martinica e Suriname foram visitados pela equipe “Agenda Gotsch” para iniciar projetos de média e grande escala, além de ensino e capacitação.

  • HORA DE CRESCER

    O time Agenda Gotsch cresceu: a ilustradora e entomologista suíça Úrsula Artzmann, muda-se para o Brasil para empreender, junto com Dayana e Felipe, na produção de conteúdo sobre agricultura sintrópica.

  • MAIS UMA AQUISIÇÃO INTERNACIONAL

    Na sequência, o português Bruno Damas integra a equipe com seu conhecimento de tecnologia da informação e com o entusiasmo de levar a agricultura sintrópica para cada vez mais pessoas.

  • FAZENDA SÃO SEBASTIÃO

    FAZENDA SÃO SEBASTIÃO

    Ernst visita mensalmente a Fazenda São Sebastião em Casimiro de Abreu (RJ) – onde hoje é a sede do Life in Sintropy- e implanta, 4 sistemas sintrópicos que ilustram como lidar com diferentes condições de degradação e interesses produtivos.

  • TROCAS E APRENDIZADOS

    TROCAS E APRENDIZADOS

    Passaram pela Faz. São Sebastião (RJ) centenas de pessoas que tiveram o prazer de aprender diretamente com Ernst Götsch, Rômulo Araújo, Juã Pereira, Henrique Sousa, Fernando Rebelo, Osvaldo Souza, Namastê Mascherssimidt, Gudrun Gotsch, Patrícia Vaz e Karin Hanzi.

  • O LIVRO

    Fernando Rebelo, Felipe Pasini, Dayana Andrade e Ursula Artzmann começam a esboçar, com Ernst Gotsch, os primeiros rascunhos do que será um livro dedicado à agricultura sintrópica com colaboração de autores parceiros. (previsão de lançamento: Março/2018)

COMPARTILHAR